O misterioso e grandioso Colosso de Rodes

O Colosso de Rodes foi uma estátua do Deus do Sol, Hélio. Construído entre 292 e 280 A.C. pelo Escultor Carés de Lindos e demorou 12 anos para sua conclusão.

Mas antes de falar sobre o Colosso de Rodes, trarei algo bom para você que pretende viajar, independente do lugar!

Este painel abaixo encontra promoções em hotéis ou pousadas em qualquer lugar, basta que você coloque o nome da região ou hotel que gostaria de ir. Clique em “ver todas as ofertas” para que você tenha acesso a todas as promoções disponíveis : – )



Booking.com

Como era a estátua do Colosso de Rodes

Colosso de Rodes - 2

A estátua ficou em pé por 55 anos.

A estátua tinha 30 metros de altura, pesava 70 toneladas e era feita de bronze. Cada pé estava apoiado em uma das margens do canal que dava acesso ao Porto.

Toda embarcação que chegasse a Rodes, passaria obrigatoriamente sob as pernas da estátua de Hélio, protetor do lugar.

Na mão direita a estátua tem um farol, que orienta as embarcações pela noite.

Como a estátua do Colosso de Rodes desapareceu

Colosso de Rodes

Em 226 A.C., um terremoto atirou-a no fundo do mar, na baía de Rodes e não a reconstruíram mais.

No século VII os árabes venderam o resto da sucata e precisou de 900 camelos para transportar o tão gigantesco Colosso de Rodes.

A estátua levou Carés a suicidar-se assim que a terminou, por desgosto com o pouco reconhecimento público.

A dúvida sobre o local correto da Colosso de Rodes

Em 2008, a arqueóloga Alemã Ursula Vedder, contestou a localização do Colosso de Rodes, baseada na falta de evidências submersas de fragmentos da estátua na região do Porto.

Aventou-se que a estátua estivesse totalmente em terra firme, em uma montanha situada sobre a cidade.

E, colaborando com essa contestação, estudiosos afirmam ter sido muito difícil o porto ficar fechado durante os 12 anos em que demorou sua construção, principalmente em tempos de guerra.

E há registros de que a queda do Colosso de Rodes destruiu várias casas, o que corrobora ainda mais que ele estaria em meio a cidade e não no porto.

Está gostando do conteúdo?

Junte-se a comunidade dos Loucos Por Férias para receber gratuitamente artigos em primeira mão, dicas e pacotes promocionais de viagens inesquecíveis!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *